Dinâmicas de Grupo são ferramentas utilizadas para se avaliar, detectar, reforçar, destacar ou ensinar aspectos comportamentais e de conhecimento dos participantes. Poderiamos entendê-las facilmente se as associarmos, de forma ampla, a jogos em grupo, os quais conduzem os participantes a determinadas situações onde suas atitudes serão colocadas a prova, sejam elas no ambito físico, interlectual, afetivo, social, espiritual ou do caráter. Embora sejam tratadas (muitas vezes erroneamente) de forma coletiva, trata-se de uma ferramenta de avaliação individual. Aplicadas em ambientes fechados ou ar livre, podem ser classificadas tematicamente quanto aos objetivos que se pretendem alcançar, como por exemplo: Pró-atividade, Flexibilidade, Criatividade, Inovação, Organização, Comunicação, Comunicação Verbal, Comunicação Não-verbal, Confiança no Próximo, Foco em Resultados, Ousadia, Planejamento, entre muitas outras.

As dinâmicas de grupo são amplamente utilizadas nas áreas de Psicologia, Recrutamento e Seleção, Treinamento e Pedagogia, servindo-se de forma efetiva na melhoria do entrosamento de equipes, no destaque da autenticidade de pessoas e no crescimento pessoal. Elas nos permitem experimentar uma ampla gama de experiência em grupo e, já que nascemos, vivemos e morremos em grupo, prestam-se de forma muito rica a confrontar os participantes com simulações do cotidiano.